Arquivo de ‘Reflexões’ categoria

Surprise!

Sou cara de pau mas estou aqui!

Passou natal, passou ano novo com direito à casa na praia dazamiga. Teve carnaval com glitter e 2 viagens pra fora do país.

collage1collage2

collage3

collage4Ganhei 21 anos, minha primeira tatuagem, uma gatinha linda chamada Lis e uns quilos a mais.

collage6Bebi infinitos bons drink (muitos, diga-se de passagem) e pintei meu cabelo de roxo. Aprendi muito sobre feminismo e mudei muitos discursos problemáticos em mim (continuo nessa empreitada eterna). Estou trabalhando para ser cada vez mais empoderada em relação ao meu corpo. Ultrapassei a marca da metade da minha graduação e passei por um semestre perrenguento que não acabava nunca (2015.2, fica aqui rezistrado minha eterna revolta). Saí e curti com os amigos como nunca antes.

collage5

collage7Não pensei no blog. Redefini muitas e muitas vezes minha relação com a maquiagem. Gostei de sair de cara limpa e não tive paciência pra esfumados super trabalhados. Não quis passar batom escuro pra não ter que retocar. Tive também a fase glitter: joguei quilos no rosto e achei que tava abafando. E hoje tô aqui querendo ficar toda trabalhada no reboco novamente. Quero delineados elaborados e batons marrons. Quero pele bem feita, iluminada e com contorno.

Quero postar no blog de novo. Quero falar sobre maquiagem com as miga, sentada no bar e sem compromissos, sem data marcada, sem agenda de post. Quero mostrar que pessoa real não é maquiada o tempo todo. Tem poros abertos, tem olheira roxa, boca ressecada e que, se quiser sair assim, será tão linda quanto a pessoa mais rebocada da face da Terra.

Nesse ~hiato~, pude perceber o quanto sou querida e o quanto faço falta nas internets, por mais que me sinta um lixo humano (1 bjo Anitta e obrigada por esse meme mara kkk) dispensável às vezes. Então por que não voltar a falar sobre besteiras cotidianas, dar dicas das coisas que eu gosto, aprender vários coisinhos e fazer desse espaço um lugar de troca novamente?

Tamo ai de volta na quebrada! É noix.

Se tiver alguma sugestão do que cê mais gosta de ver por aqui, essa é a hora <3

Beijinhos

UPDATE Esqueci de um fato importantíssimo: tirei meu aparelho!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! 😀

Sobre Fases

Sempre fui muito animada com a história de ter um blog, quem é próximo de mim sabe disso. Vejo esse espaço aqui muito como uma representação de uma evolução naquilo que eu gosto de fazer, que é a maquiagem. Simplesmente, todo o meu processo tá registrado aqui. Desde as makes cagadas, que eu fico com vergonha alheia só de olhar, até aquelas onde eu fico babando no que fiz.

Eu adoro poder compartilhar isso com quem gosta do assunto também. Adoro trocar ideias, trocar figurinhas, dizer o que gostei, o que não gostei… Sinto que isso aqui funciona como aquela nossa amiga com a qual a gente vai dar umas passeadas inofensivas na Sephora, sabe?

Mas ultimamente não tem rolado. A gente passa por fases na vida, né? Pois então, a fase em que me encontro agora é muito mais de absorver do que de compartilhar. Acho que isso tem se refletido, inclusive, no tipo de post que tenho feito nos últimos tempos aqui no blog. Muito mais post reflexivo do que tutorial. As resenhas então, puffff. Desculpa ai quem tá sempre querendo saber sobre o produto novo que eu comprei ):

d62b0e6b5163baadbe87989a1f50a335Acontece com todo mundo. Preciso olhar mais pra mim apenas nesse momento, mas descobri uma coisa muito legal olhando pro blog: esse espaço é só meu, e só vem aqui quem realmente gosta do que eu tenho pra falar. E se eu não sou feita apenas de maquiagem, muito natural que eu não fale só disso nesse espaço, né? Por isso tenho estado mais confiante e à vontade pra liberar minha opinião e abrir passagem pros textos de reflexão.

14f8a5864f7d8b739e867561f8d85d94(não só na amorosa, mas não gramática da vida como um todo)

Enfim, não vim pra dar desculpas sobre a falta de conteúdo que tá rolando. Vim pra desabafar, e só. Criatividade tem que ser livre, se ela não vem, deixa ela quietinha do jeito que tá, que quando ela aparecer é só lucro. Sensação de obrigação ninguém gosta, tem que envolver prazer.

6825642b572eea2c0ace42b60d5b42f8Cola nas minhas redes sociais, que eu sou viciada demais na internet pra abandonar aquilo lá rs. Besteiras aleatórias, maquiagens do dia, meus trabalhos em tempo real e dicas doidas vocês verão por lá, que é tudo mais rápido.

FanpageTwitter – Snapchat (lyssa.iami) – InstagramPinterest

E aqui… Bom, aqui eu apareço sempre que tiver algo de bom pra compartilhar! Esse blog é importante demais pra eu abandonar pra sempre. Tenham certeza que não é o fim, apenas uma pausa <3

(textão doido, mas como sou inconstante e incoerente, talvez me anime e volte  na semana seguinte com a rotina habitual de posts.)

Precisamos Falar de Sobrancelhas

Pois então, cá estava refletindo pelo poder que as sobrancelhas têm de mudar nosso rosto, isso todo mundo já sabe, né?

maxresdefaultAcho que já passei por todas as fases possíveis de uma sobrancelha: grossa, fina, depenada, falhada, super cheia, com formato esquisito…

Recentemente, eu sinto que finalmente consegui atingir meu ideal. O formato natural delas é reto, sem muito arqueado, com pêlos grossos e espaçados, mas bem cheia. Eu não conseguia chegar nesse ideal há muito tempo, como vocês verão nas fotos. E isso tudo culpa de quê? Culpa das doideiras que gente faz achando que tá abafando!

OgAAADOQWHTNyGwYuMxt5AekDCKDOV8XYUGAEgSWWBQQ4_yfz_WNaiEOaBLgDFqr23g9WtjZFPISYtdgFJWt4UuYt94Am1T1UN8ZogYL2r8s_UUjshmzX4Lpgv9O(Eu com 15 aninhos -sim, eu estou de aparelho pela segunda vez na vida kkk que bossssta- e com a sobrancelha mega fina porque fazia com cera. A sensação que eu tinha é de que a cada vez que ia fazer, ela afinava mais. Parece que a cera não permite o controle de retirada dos fios.)

Vários conhecidos e amigos, e inclusive leitoras aqui do blog, têm comentado que estão achando ela super grossa, muito “bruta” pro meu rosto, mas sabe quando você tá finalmente tão feliz com você que caga e anda pra esse tipo de comentário? Tô nessa vibe.

collage1(Percebam como aqui ela está mais arqueada do que é naturalmente. Por conta disso, prezando o arqueado, eu acabava deixando ela mais fina.)

collage2(Agora eu estava deixando os pêlos crescerem, é uma fase tensa, mas necessária. Notem que tem alguns perdidos ali crescendo embaixo do arco. Aqui também que eu estava começando a acertar o modo de preenchê-las)

collage3(Uhul, hoje em dia, eu me amando com elas bem mais grossas, retas e super preenchidas. Se comparar com as da primeira foto minha não dá pra acreditar, né?)

Acho que peguei tantos traumas na vida com essas loucuras de depilação e pavor de pêlo crescendo que ultimamente tenho prezado pelo aspecto mais natural possível, respeitando aquilo que eu simplesmente sou. Não adianta querer ter uma sobrancelha super arqueada se a minha é originalmente reta. Não adianta querer também ter as da Cara Delevingne porque também não vai rolar.

cb2bfe3735ca43c8e8467b37bb8d3231Tenho amado usar produtos de sobrancelha, como os duos de sombras que preenchem, gel que coloca no lugar, lápis… A D O R O sobrancelha forte e no lugar! Pra mim não tem maquiagem que fique boa sem os pêlos minimamente arrumados. Obviamente, sempre respeitando o tom natural do seu cabelo e todos os limites que são inerentes à gente, tipo formato, espessura e etc… Outra coisa que também é óbvia é que isso tudo é um processo: antigamente eu não me importava tanto em ajeitar a sobrancelha.

Resumindo, o que quero dizer é que se a gente gosta do assunto, investe em maquiagem, se esforça e quer se aprofundar é necessário que a gente preste atenção nesse tópico tão importante. Não dá pra fazer um olhão preto com a sobrancelha toda desgrenhada, gente!

Ah, outra coisa: se você tem as sobrancelhas grossas, não afine!!! Sério, você vai se arrepender no futuro, e tomar um bode f*dido que nem eu tomei, e hoje estou exibindo minhas taturanas por ai (taturanas sim, mas sem um pêlo fora da linha rs).

collage4E ai, estamos conversadas?

Esmalte da Semana – João Disse Eu Te Amo, da Risqué

Olha, momento polêmica. Eu acho o nome e o propósito dessa coleção de esmaltes bem babaca. Sei que esse babado já é velho, mas como só tive contato agora, vou fingir que é recente rs. Pra quem não sabe, a Risqué lançou uma coleção outono/inverno 2015 com o título de Homens Que Amamos, 6 cores de esmalte onde cada um tinha um nome bem peculiar: André Fez o Jantar, Fê Mandou mensagem, Guto Fez o Pedido, João Disse Eu Te Amo, Leo Mandou Flores e Zeca Chamou pra Sair.

Homens Que Amamos, sério Risqué? Ainda mais utilizando de ocasiões clichês e machistas, vangloriando situações que hoje em dia lutamos tanto para derrubar, como por exemplo, a questão de somente a mulher cozinhar (uma coisa tão sem noção e simples, mas a Risqué fez questão de reforçar esse sexismo colocando “André Fez o Jantar”, como se fosse algo extraordinário um homem cozinhar).

Anyway, a campanha foi infeliz. Acho que a marca deveria cumprir seu papel, já que é direcionada quase que exclusivamente ao público feminino, e agregar na desconstrução dessas questões, não incentivar.

Isso não quer dizer que as cores foram terríveis, muito pelo contrário, são lindas. Comprei apenas o João Disse Eu Te Amo, pois vi na farmácia e achei um tom único, parece esmalte gringo. Nunca vi essa cor por aqui!

IMG_8317É um roxo, com fundo avermelhado, quase vinho, e muuuuito metálico. Tem microbrilhos lhéndos, coisa de louco, brilha horrores. Ryquíssimo!

Um ponto positivo dos esmaltes da Risqué é que as embalagens ficaram muito mais práticas e modernas depois que foram reformuladas, tornando a esmaltação mais rápida e prática. Ah, agora toda a linha é hipoalergênica, as miga que têm alergia à esmalte comemora!!!

collage1Agora o que eu realmente preciso comemorar é que aparentemente estou ganhando a batalha da duração do esmalte, meu povo! Lembram que no post da semana passada eu já havia comentado que o esmalte tinha demorado mais pra lascar? Com esse tá acontecendo a mesma coisa.

Ó, procês terem uma noção, eu sempre costumo fazer assim: faço as unhas na quinta ou na sexta, fotografo pro blog no sábado e segunda escrevo o post, porque ai posso passar as reais impressões do esmalte. Acontece que nesse fim de semana eu tava com a pá virada, loka do coo, indo pra toda e qualquer balada, e não tirei as fotos da unha. Pensei logo, tô fu (!!!), na segunda quando eu for fotografar já vai estar tudo horroroso. Que nada, grazadeus tá tudo aqui inteirinho, e o brilho mara ainda presente. Ou seja, 3 dias e parece que eu esmaltei agorinha.

collage2Apliquei uma camada de Nutribase Pró-nivelamento da Colorama, duas camadas do João Disse Eu Te Amo, uma camada da Cobertura Intensificadora da Cor e Brilho da Colorama e uma passada do Óleo Secante Hidratante da Risqué.

Esmalte Risqué Metálico Hipoalergênico cor João Disse Eu Te Amo (8ml): R$4,49 (Meu Vício – compre aqui)

Sobre o consumismo desenfreado

Hoje acordei reflexiva aquelas, senta que lá vem textão.

Separei o dia de ontem pra arrumar minha penteadeira, fazer aquela limpa necessária pros pincéis não se encherem de poeira, as sombras quebradas não acumularem no fundo da gaveta e etc. Daí, percebi que eu estava cheia de maquiagem, mas não usava metade. Sim, mesmo sendo maquiadora profissional.

f39fd6de56e908668f2322a40e4eb8e9Por conta do meu trabalho, é óbvio que tenho que estar preparada pra diversidade de peles, de rostos e tudo que envolve a tipicidade da beleza feminina. Tenho que estar, também, antenada com os produtos, acompanhando sempre as novidades do mercado pra trazer o que há de mais novo, tecnológico e bonito pras minhas clientes.

Claro que comigo também não é diferente. Gosto de usar o batom que tá em alta e a base HD que cobre até nossos erros de ortografia. Mas o que percebi foi que, mesmo assim, ostentamos produtos que não precisamos!

Exato, a palavra é ostentar. Por que eu compraria outra Naked, se já tenho a Naked II que me satisfaz completamente? Por causa de uma ou duas cores que são diferentes? Não, simplesmente porque as paletas Naked viraram objeto de desejo, de ostentação. É cool, é top ter mil paletas por cima da bancada de maquiagem, é ryco.

a4cb1a976098d913dc91d6f70cd7b81347ea91c93a9bcfd24174c9d7bedeb8ffAté que ponto eu preciso de mil sombras da mesma cor? Até que ponto eu preciso de mais de três bases do mesmo tom de pele (ok, isso já é muito, mas lembrem que pra trabalhar, preciso de diversos acabamentos e coberturas. De qualquer maneira, isso já é mais que suficiente)? Até que ponto eu preciso de três batons vermelhos, se as clientes e eu sempre acabam escolhendo o mesmo? Pra quê três delineadores em gel, se eu só uso um e os outros ficam lá ressecando? O mesmo acontece com as máscaras de cílios.

202fe8d35239c25493ab7601eb901d11O problema é que eu sempre quero ter aquela máscara nova que promete efeito de cílios postiços -e no fim, dá o mesmo efeito que a baratex The Colossal.

Acho que a gente precisa parar pra pensar melhor a forma como gastamos dinheiro, e do que realmente precisamos. Já parou pra pensar que o pincel duo fibre da MAC custa mais de duzentos reais? SIM, DUZENTOS FUCKING DILMAS!!!! Se a gente seguir essa linha de pensamento, uma ida à Sephora pode te custar o salário todo do mês, e o pior: com coisas que você não precisa.

Não sei se esse texto faz algum sentido, ou se refreará meu desejo incontrolável de comprar maquiagem. Afinal, isso é coisa pra terapia, não é mesmo? haha.

De qualquer maneira, fik ai a dik de pensar melhor e fazer compras que serão efetivamente boas, e não compras descartáveis.