Arquivo de ‘Resenhas’ categoria

RESENHA: Lápis de Olho Quem Disse, Berenice? cor Begete

Meus olhos são pequenos, por isso, prefiro usar lápis bege na linha d’água na hora de me maquiar, dando a sensação de amplitude, “abrindo” o olhar. Uso o lápis preto só quando quero uma make mais dramática. Mas confesso que achar um lápis bege bem pigmentado e que permaneça pigmentado na linha d’água não é fácil não, viu?

Enfim, decidi experimentar o Lápis de Olho Cremoso na cor Begete, da Quem Disse, Berenice?.

collage1De acordo com a marca:

Com esse lápis você já consegue garantir boa parte do look. A textura é super macia, por isso ele serve não só pra delinear, como também pra esfumar. Dá até pra usar como sombra, não é demais? a aplicação é uma delícia e ele dura super bem ao longo do dia, sem borrar! Pra garantir que você possa aplicar o produto de várias formas, nós fizemos ele em diversas cores lindas, algumas têm até glitter!

Está disponível em mais 5 cores, como azul, preto e coral. Confesso que nunca testei usá-lo como sombra, uso apenas pra delinear mesmo (rente aos cílios ou, mais comumente, na linha d’água). A embalagem é bonitinha (preto fosco) e dá pra fazer ponta tranquilamente com o apontador tradicional.

collage2Quanto à pigmentação, na pele ele se comporta bem, como ces podem ver na foto. Fica bem clarinho, além de ser super macio. Não apresentou nenhuma cintilância. Já na linha d’água, num primeiro momento (até alguns minutos depois da aplicação), ele fica pigmentado. Depois de 1h, 1h30, a cor sumiu da minha linha d’água, e olha que não tenho o costume de ficar coçando, nem sou daquelas que lacrimeja por qualquer coisa.

Resumindo a história, fiquei um pouco decepcionada com a durabilidade do produto. Eu tinha um lápis retrátil da Vult que também acontecia o mesmo problema. Continuarei na saga do lápis bege! Se tiverem sugestões, por favor, manifestem-se rs.

Custa R$23,90 e pode ser comprado aqui na loja da Quem Disse, Berenice?

That’s it! 😀

RESENHA: Máscara de Cílios Maybelline The Falsies Waterproof

Máscara de cílios é um dos itens que mais tenho na minha penteadeira! É ótimo porque geralmente dá pra encontrar várias com preço amigo e de boa qualidade. A marca que logo vem à cabeça quando juntamos esses dois fatores é, com certeza a Maybelline. A resenha de hoje é sobre a última máscara que comprei da marca, a The Falsies Volum’ Express na versão Waterproof.

collage1Ela existe nas duas versões, lavável e à prova d’água; escolhi a segunda pois quase não tenho máscaras assim (elas são ótimas pra usar naqueles eventos importantes, já que não saem de jeito nenhum, né?). De acordo com a descrição da marca:

Efeito cílios postiços com Volum’ Express® The Falsies™ Maybelline Máscara de Cílios à prova d´água. The Falsies deixa os cílios 300% mais visíveis da raiz às pontas. Fórmula com pró-keratina + aplicador curvo garantem o efeito cílios postiços. Por que você vai amar?

• 3X mais volume instantaneamente

• Seu pincel antigrude, de tecnologia patenteada, envolve cada cílio em uma única passada para 3X mais volume sem grudar

• Ideal para quem usa lentes de contato e testado por oftalmologistas

collage2Quem resiste à essa propaganda de ter efeito de cílios postiços, minha gente? 😀

Costumo passar cerca de três camadas de máscara, sempre com um intervalo de alguns segundos entre as aplicações, pra deixar secar. Gostei muuuuito do resultado dessa! Eu, particularmente, gosto de cílios bem pretinhos e com gominhos, mais espessos e com volume, sabe? Achei que essa máscara atingiu muito bem esses objetivos! Se você gosta de cílios mais separadinhos e alongados, sem se preocupar em ter muito volume, talvez essa não seja a máscara pra você (prefira aquelas que tem a escovinha fina e comprida). Vejam o antes e depois:

collage3Digo que amei e já estou usando muito pra sair, já que ela não escorre por nada, pode chorar à vontade rs. Na hora de tirar, consigo perfeitamente com demaquilante bifásico (costumo usar o da Nívea, que inclusive já tem resenha aqui no blog), sem muita esfregação (não esfreguem o olho loucamente, pelo amor de dadá, que dá ruim!).

Custa R$36,00 e eu compraria novamente, sem dúvidas. Ótimo custo-benefício! Vende aqui na Sephora ou em qualquer loja/stand da Maybelline.

That’s it! 😀

RESENHA: Pincéis Maria Margarida coleção Pausa para Feminices

Yeah! Eu estava loucamente ansiosa pelo lançamento da coleção de pincéis do blog Pausa para Feminices para a marca Maria Margarida, e depois de tanta espera (e muitos previews da Bruna que deixaram as leitoras malucas rs), consegui comprar meus pincéis.

Pra quem não sabe, Pausa para Feminices é blog muuuuuito legal e a Bruna Tavares, autora dele, é a rainha dos tutoriais, gente. Vale muito a pena acompanhar o trabalho dela. Quanto aos pincéis, tinha certeza que seriam de qualidade porque já temos bastante provas disso: a Bruna tem uma coleção de itens de maquiagem para a Tracta, que faz o maior sucesso (e que já falei aqui no blog)! Bom, passada a euforia, vamos lá que direi o que eu achei sobre cada pincel…

IMG_7661

O kit todo vem com 12 pincéis e uma necessáire muito fofa, com o logotipo do blog e perfeita pra carregá-los em viagens, por exemplo. Acho um kit muito legal pra quem não tem nenhum pincel e quer começar com os básicos. Com eles, você consegue fazer absolutamente tudo (o kit custa R$235,90, mas já está esgotado; se inscreva e receba um e-mail caso ele volte ao estoque aqui). Mas eu não queria comprar os 12 pincéis, seria gastar dinheiro à toa visto que já tenho muitos deles com função igual, por isso, optei por experimentar apenas 3 da coleção.

Todos eles têm tamanho médio: não são enormes, nem travel size, mas perfeitos pra não ocupar muito espaço e usar no dia-a-dia. Também gostei do fato de que todos eles têm a sua função escrita no cabo, o que facilita muito a vida de quem tá perdida.

Pincel PPF 10 – Base

collage1IMG_7672Pincel de cerdas sintéticas pra aplicar base líquida ou cremosa. Queria uma alternativa legal pro meu duo fibre da MAC, mas nenhum atingia minhas expectativas. Achei o tamanho dele perfeito (foto acima!), as cerdas são SUPER macias mesmo -parece até massagem no rosto-, e ele é durinho e denso na medida. Não pode ser duro e deixar a base marcada, mas também não pode ser molenga, sem dar firmeza alguma, e ele tem esse equilíbrio perfeito. Custou R$39,90 e eu achei um ótimo custo benefício. Traz um acabamento bom, e tem cara de pincel ryco (é pesadinho e tem essa arte linda no cabo). Dá pra comprar aqui.

Pincel PPF 12 – Iluminador

collage2collage3Pincel de cerdas sintéticas para aplicar corretivo na região das olheiras, cantos do nariz e ao redor da boca. É indicado também para passar iluminador no topo do nariz e nas têmporas. Possui esse corte “bicudo”, que realmente é ideal pra chegar nas áreas mais chatinhas do rosto.

Comprei ele com a intenção de alterná-lo com o meu queridinho da Sephora (fiz resenha aqui), mas não deu. Dos três que eu comprei, esse foi o que menos gostei. Não dá muito certo na hora de aplicar corretivo nas olheiras; a parte pontuda dá umas espetadinhas na região que já tem a pele sensível, então complica um pouco a situação. Não achei que ele espalha bem o produto de forma natural, então deixei a região da olheiras pra lá. Agora ele serviu muito bem para aplicar corretivo envolta do nariz, sabia? Antes eu aplicava com pincel língua de gato, que deixava um pouco marcado demais. Ele não, deixa um acabamento perfeito e o tamanho encaixa certinho. Não utilizei ainda para aplicar iluminador, mas acredito que funcione bem para aqueles em pó, justamente por causa da pontinha bicuda. Custou R$29,90, mas acho que existem outras opções melhores caso sua intenção seja pincel para a região dos olhos. No mais, serve como um “supérfluo” legal pra aplicar corretivo na bordinha do nariz. Tá esgotado por enquanto, mas vale se inscrever pra avisar quando o estoque voltar aqui.

Pincel PPF 13 – Esfumar

collage4IMG_7680Pincel de cerdas naturais branquinhas, super lindo e fofo! Daqueles que você precisa ter no seu kit de maquiagem. Bem gordo, pincel pra finalizar aquele esfumado e focar bastante na transição das cores.

É grandinho, ou seja, não serve pra marcar côncavo, por exemplo. Ele funciona pra misturar as cores e dar aquele efeito esfumado bem lindo, pra dar acabamento mesmo. Acho que vale muito a compra! Custou R$16,90, mas também está esgotado, se inscreva pra receber um e-mail quando ele voltar ao estoque aqui.

Agora fiz uma foto com outros pincéis que eu tenho aqui e talvez possam interessar na hora de fazer uma comparação em relação a densidade das cerdas e tamanho, vejam só:

IMG_7682MAC Duo Fibre 187 / Sephora Pro Airbrush Concealer #57 (resenha aqui) / PPF 12 / Macrilan Kabuki Cônico (resenha aqui) / PPF 10 / Sephora Rounded Powder

No geral, adorei os pincéis e eles atenderam às minhas expectativas (com exceção do PPF12, que eu relevei pois achei outro fim pra ele). São de ótima qualidade, com preço amigo. Caso você se interesse, tem a resenha completinha dos 12 pincéis no blog da Bruna, só ver aqui.

That’s it! 😀

RESENHA: Glitter Dailus Color cores Mermaid e Pink

AMO glitter de paixão! Acho que é um dos itens mais indispensáveis pra se ter num kit de maquiagem (sim, inclusive pra você que é iniciante). O glitter tem o poder de dar todo um glamour pruma make noturna, ou então deixar aquele esfumado com um ar de fada super lindo! E claro, pode disfarçar um esfumado preguiçoso (ou não muuuuito bem feito, se você ainda não tem prática): só jogar as purpurina tudo em cima que fica lhéndo.

Depois desse meu amor declarado, resolvi que queria adquirir mais cores de glitter, já que eu só tinha um furta-cor, puxado pro prateado (tem resenha aqui!) e um douradinho, ambos da Tracta.

Aproveitei o precinho ótimo da Maquiadoro (loja parceira do blog!) e me joguei em duas cores do glitter Dailus Color, a Mermaid 30 e a Pink 14!

collage1O Mermaid, como o nome sugere, é um furta-cor que lembra muito a cauda das sereias, eike poético. Sério, é um brilho que parece prateado, mas tem uns reflexos verdes, roxinhos, azuis… Não dá pra definir, mais lindo demais. Já o Pink é realmente rosa pink!

Eles vêm naquela embalagem tradicional de glitter, que por si só já precisa de cuidados, porque faz uma sujeirinha básica, mas ok. O que não gostei é que a tampa é de um material realmente vagabundex, sabe? O plástico é muito frágil, tô com maior medinho dela rachar e fazer uma lambança de glitter na minha gaveta. Acho que a Dailus poderia melhor um pouquinho na apresentação desse produto.

collage2Ao contrário dos meus glitters da Tracta, eles não são sombras em pó. Ou seja, precisam de algo por baixo pra ter aderência. As cores ficam fraquinhas, porque as partículas desses glitters são grandes, como aquelas purpurinas de carnaval, meio art attack. É ótimo pra dar finalização na make, seria legal vocês lerem a resenha do glitter da Tracta, linkado acima, pra entender bem o que tô falando. Na foto abaixo, também dá pra perceber como ele funciona muito melhor com uma base de sombra ou lápis por baixo. Agora se tem uma coisa que foto não traduz é o brilho PODEROSO desse troço, realmente fica divino, gente.

collage3E pra você que não faz ideia de como usar glitter nas suas makes, principalmente esse rosa, o último tutorial aqui do blog foi justamente utilizando esse glitter de uma forma não carnavalesca e super usável, aproveita pra aprender aqui.

Acho que super valeu a compra, a quantidade é infinita (sério, dificilmente você vai acabar com um potinho de glitter) e custa R$14,90, mega acessível!

Dá pra comprar aqui na Mais Vaidosa, com uma gama enorme de cores pra você brincar de brilhar hehe.

That’s it! 😀

RESENHA: Base em Pó Sun Protection SPF35 Shiseido

E aloka dos produtos de pele voltou (ou nunca foi embora né rs). Estou sempre à procura de um produto milagoso que deixe minha pele sequinha forever. Como sei que isso não existe, escolho aqueles que funcionam melhor em relação a esse brilho interior. Não sei se já contei aqui no blog pra vocês esquecida mas a minha base preferida pro dia-a-dia é a Studio Fix Powder, da MAC (a quem interessar possa, minha cor é a NC35 ou C3). Ela me dá uma cobertura digna, além da praticidade de passar com pincelzão gordo na feice e pronto. Consigo pele sequinha sem craquelar! Por isso, na minha última viagem (veja o vídeo de comprinhas aqui), fiz uma busca por uma base em pó alternativa. Já fiquei de olho na compacta da Shiseido, com certeza vocês já ouviram falar: Sun Protection SPF35!collage1Descrição da marca:

Uma conveniente base em pó que desliza com uma sensação de suavidade e proporciona um look mate e natural. Resistente à transpiração e à oleosidade, permanece fresca e fiel à cor durante horas. Uma base antienvelhecimento que protege a pele contra os raios UV, responsáveis pelo foto-envelhecimento, através da excelente proteção UVA/UVB. Aplicar a base sobre a pele limpa e hidratada.

collage2Ela é vendida naquele esquema estojinho separado do refil, ou seja: você compra esse estojinho azul, que já vem com espelho, uma vez só na vida, e vai comprando somente o refil da base em pó conforme ela for acabando. Acho esse sistema muito legal, porque você evita desperdício e não precisa jogar embalagem fora. Comprei a cor 040 e casou direitinho com meu tom de pele.

A embalagem em si é bem resistente, e além de ter o espelho (o que é uma mão na roda pra emergências), tem um compartimento pra você carregar uma esponjinha aplicadora -também vem incluída-. Não sou enorme entusiasta dessas esponjinhas, não as utilizo pra aplicar a base porque acho que o acabamento fica meio reboco, fica uma argamassa na cara que só jesus, além de não ser lá muito higiênico, né?. Como disse lá em cima, prefiro aplicar com pincel de pó bem gordão que o acabamento fica mais natural e esfumado, deixo a esponjinha apenas para momentos de retoque quando tô na rua.

Quanto à cobertura, achei média. Por exemplo, na minha opinião, o Studio Fix cobre mais. Em contrapartida, a sensação dele na pele é mais leve, parece mais natural e num dia de sol você não revela que tá com um monte de pó no rosto. Me deu dignidade, mas não dispenso o corretivo at all. Com o Studio Fix, num dia de preguiça talvez eu dispensasse (tô que tô nervosa nas comparações, mas não tem jeito haha). Fixação e relação com a oleosidade: média também. Na minha pele, ele durou umas 3hs sem evidenciar brilho num dia de calor. Em peles mistas e secas, talvez segure melhor.collage3BU! Tô lindja, hein? kkk socorro.

Mas essa foto serve pra evidenciar bastante um dos problemas dessa base: não funciona em fotos com flash (cara a cara, como eu disse, a cor está perfeita pra mim). No geral, as bases que têm fator de proteção solar deixam esse aspecto esbranquiçados no flash, cara de fantasminha. Fuja dela se você vai em eventos à noite! Agora que o fator de proteção 35 ajuda e muito na correria do dia-a-dia, ai sim. Inicialmente, disfarçou BEM os poros e matificou a pele, que estava limpa e sem nada por baixo.

Agora sente a facada: no Brasil, só o refil custa R$200 e você pode comprar aqui na Sephora. Na gringa, custa $28 o refil e $8 a embalagem, diferença considerável!

Pelo custo benefício, continuaria comprando minha Studio Fix, mas é uma boa alternativa e acho que se você tiver interessada e puder, vale a pena sim.

That’s it! 😀 (tava tagarela nessa resenha, né não? haha)